“Todas as palavras são a loucura dos Poetas, não fossem elas o próprio sangue que corre nas veias”


(Lúcia Machado)

06/10/2007

Por te amar assim


Não sei como te dizer…
Como exprimir o que sinto

Esta saudade sem fim,
Tua ausência em mim…
Por onde te perdes?
Que caminhos, segues?
Minha sanidade, minha loucura!
Não sabes como sinto falta, da tua doçura
Por te amar assim…
Guardo comigo a esperança, que um dia voltes para mim


(Lúcia Machado)

3 comentários:

Frank_Mike disse...

Linda reflexão e poderosa sensação de amar.
Adorei!

Lúcia Machado disse...

Obrigada amigo :P

ehehhe

ZezinhoMota disse...

Lucia! Bonito o que leio de ti e perante o meu conceito que já formei a teu respeito é...

Sem margem para dúvidas, estou na presença, como figura é imaginária porque nem em fotografia te conheço! Mas, a tua presença é deveras de alguém muito jovem mas som extrema sensibilidade...

Neste momento estou preocupado contigo, estou sem noticias tuas e tenho imenso receio que estejas a sofrer por algo...

Podes crer que sou teu amigo e preocupo-me contigo e desejo que estejas bem e que não haja nada que te preocupe.

Em qualquer circunstâncias podes contar comigo...

Que tenhas um feliz fim de semana.

Bjnhs do amigo que se preocupa contigo.

ZezinhoMota

... Aqui jazem todas as angústias, os medos, a solidão, as alegrias, as tristezas...
Jazem momentos únicos, momentos irrepetíveis...
....a saudade, o acreditar....
..As lágrimas, o desespero, o renascer...
a morte...
Todos os momentos de uma vida...uns eternos, outros não...
Aqui jaz uma nova esperança... o amor...

...Tu...



(Lúcia Machado)




Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, cedência, difusão, distribuição, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio electrónico, mecânico ou fotográfico destes textos sem o consentimento prévio e expresso do autor. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente, o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem.