“Todas as palavras são a loucura dos Poetas, não fossem elas o próprio sangue que corre nas veias”


(Lúcia Machado)

29/04/2009

Esquivo-me à louca irrealidade
Sou pouco mais, que o benevolente pio da madrugada
Ou rio em devoluta calmaria
Mulher que decalca lentamente os passos por essa estrada...
Talvez perdendo morada em súbita ilusão...
De que servem os enganos?
Se num quadro desvanece a imagem amargurada...
Mas ao amor vou-me habituando,
Doce acontecer, envolto na sede do querer
Este deveria ser o momento em que me recolheria
Na chegada do teu coração que traz a esponjosa alegria
Não sei, se sei…
Se é por ti que crio todas as palavras
E todas me faltam


(Lúcia Machado)


[...Este poema saiu...assim confuso...Feliz...]

3 comentários:

Hélder disse...

Mas gostei amor, como gosto de tudo o que escreves :)

Amo-te muito!!!

ZezinhoMota disse...

Lúcia.

As tuas palavras serão sempre muito sentidas.

Eu ao ler-te sinto-as, como se visse a expressão do teu lindo rosto enquanto as escreves.

Mesmo ausente, penso em ti com carinho.

Bjnhs

ZezinhoMota

casa da poesia disse...

..."mulher que decalca...lentamente... os passos por essa estrada"...
"as mulheres pensam como uma impensada roseira
que pensa rosas.
Pensam de espinho para espinho,
param de nó em nó"...
lindo de verdade o teu poema! bem-haja.

... Aqui jazem todas as angústias, os medos, a solidão, as alegrias, as tristezas...
Jazem momentos únicos, momentos irrepetíveis...
....a saudade, o acreditar....
..As lágrimas, o desespero, o renascer...
a morte...
Todos os momentos de uma vida...uns eternos, outros não...
Aqui jaz uma nova esperança... o amor...

...Tu...



(Lúcia Machado)




Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, cedência, difusão, distribuição, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio electrónico, mecânico ou fotográfico destes textos sem o consentimento prévio e expresso do autor. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente, o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem.