“Todas as palavras são a loucura dos Poetas, não fossem elas o próprio sangue que corre nas veias”


(Lúcia Machado)

26/03/2009

Procura




Podemos saber todos os princípios
Inícios da voz, contornos suaves da pele
Podemos saber o que é o amor
O mel … O deleite sentido da vida
Podíamos saber um pouco mais para além…
E mesmo assim, continuar em busca da alma perdida
Podemos saber demais…
Mas, não deixaríamos de mesmo assim, continuar a nossa procura
Mesmo sabendo que, poderemos não encontrar a porta de saída



(Lúcia Machado)

6 comentários:

O Profeta disse...

Procuramos...buscamos...sempre...


Doce beijo

Yussef disse...

Aquilo que podemos está sempre dentro de nós, e sempre em movimento.
Uma bela reflexão a tua.
Gostei.
Voltarei aqui sempre que eu puder.
Abraços

casa da poesia disse...

"Queen of all the me, Radiant Light,
life-giving woman..."

assim como "o mel...o deleite sentido da vida!" bem-haja!

Girassol disse...

Não me esqueço de ti nunca... nesta minha vida aterefada há sempre lugar para me lembrar de uma pessoa especial como tu... talvez não haja dinheiro para responder as mensagens :P mas o espirito tá lá... que lindo está o teu blog amiga... saudades de falar contigo... muitas mesmo... novidades? mais ainda! continuo à espea do meu livro autografado :) "amo-te" e tenho saudades tuas...
beijo grande amiga

Cotovia disse...

...o que interessa é procurar, o que achamos, por vezes perdemos, por isso, o segredo está na contínua procura.

Bonita reflexão e muito bem escrita.

ลndreia disse...

E não devemos... há anos que me procuro... e ainda não parei! *

... Aqui jazem todas as angústias, os medos, a solidão, as alegrias, as tristezas...
Jazem momentos únicos, momentos irrepetíveis...
....a saudade, o acreditar....
..As lágrimas, o desespero, o renascer...
a morte...
Todos os momentos de uma vida...uns eternos, outros não...
Aqui jaz uma nova esperança... o amor...

...Tu...



(Lúcia Machado)




Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, cedência, difusão, distribuição, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio electrónico, mecânico ou fotográfico destes textos sem o consentimento prévio e expresso do autor. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente, o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem.