“Todas as palavras são a loucura dos Poetas, não fossem elas o próprio sangue que corre nas veias”


(Lúcia Machado)

18/03/2009



Tristes são, os dias ausentes
Indefinidos no som da voz...
Reflectem no olhar, as estrelas cor-de-prata
E no dourado do Sol a serena melodia...
São dias de inócuo sentir
...Silêncio afogado na queda que mata
São palavras lançadas ao vento...


Da janela avista-se a chegada da Primavera
...Nas cores traz a luz da alvorada
E a fragrância das árvores em fruto
Emana o trépido licor suave que perdura
Ao longe...
O Rei sem reino...
Coroa de Cartão...
Rainha sem trono...
Portadora de frágil coração


(Lúcia Machado)

5 comentários:

Hélder disse...

Gostei muito amor :)
Como gosto de tudo aquilo que vem de ti princesa :)

Amo-te!!!!

Cotovia disse...

...o refúgio esconde um bater ardente de um princesa com trono destinado;)


Muito bonito

O Profeta disse...

És Princesa em reino de de Jarim onde as maçãs de ouro são...


Doce beijo

ZezinhoMota disse...

Lúcia!

Tu no meu reino serias uma linda Princesa!E, uma das mais belas companhias!

Tens dentro do teu coração o poder da sedução e aí rendo-me à tua evidência existencial.

Bjnhs

ZézinhoMota

Nilson Barcelli disse...

Gostei do teu blogue e da tua poesia. Parabéns.
Beijos.

... Aqui jazem todas as angústias, os medos, a solidão, as alegrias, as tristezas...
Jazem momentos únicos, momentos irrepetíveis...
....a saudade, o acreditar....
..As lágrimas, o desespero, o renascer...
a morte...
Todos os momentos de uma vida...uns eternos, outros não...
Aqui jaz uma nova esperança... o amor...

...Tu...



(Lúcia Machado)




Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, cedência, difusão, distribuição, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio electrónico, mecânico ou fotográfico destes textos sem o consentimento prévio e expresso do autor. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente, o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem.