“Todas as palavras são a loucura dos Poetas, não fossem elas o próprio sangue que corre nas veias”


(Lúcia Machado)

11/01/2009

Lua...


Lua louca…

Sabedora de todos os medos…

…de todos os segredos…

Tu, que brilhas, aí no céu…

Senhora de todas as verdades...

Sabes o quanto te invejam?

Tu, aí presente, omnipotente…

Com o teu silêncio prateado…

Trazes no abraço, as melodias dos enamorados,

As alegrias…

…Juras eternas feitas sob o teu olhar…

Serás tu a feiticeira das estrelas cadentes?

Ou a simples protectora,

Dos amantes, dos sonhadores, ou mesmo dos poetas ausentes?

Ouves o canto dos anjos, sabes os devaneios das ninfas amarguradas…

Velas o sono das crianças sossegadas...

Lua, senhora de todas as verdades…

Prateada, solitária…

Nenúfar branco na cegueira da escuridão…

Mistério, enigma protegido no seio do manto escuro

Da tua noite feita ilusão…

Brilhante, distante, presente...

Ausente…

…Amante…



(Lúcia Machado)


6 comentários:

Delfim Peixoto disse...

Gostei de conhecer o teu blog. Amei ler o poema... Voltarei para ler os "infra"..
Jnhs

Betânia Lisboa disse...

Olá Lúcia que espaço maravilhoso. Adorei sua poesia.
Um grande abraço.

Marta disse...

Gostei imenso deste teu blog...
s me permitires voltarei...
escreves d uma forma unica...parabens
Beijinho

O Profeta disse...

Um poema envolto em raiso de Luar...


doce beijo

Pierrot disse...

Feiticeira das estrelas cadetes...
Imagem linda
Poema tremendo
Bjos daqui
Pierrot

ZezinhoMota disse...

Lúcia!

A luz da Lua
que nos ilumina
que nos enfeitiça
e a nossa alma põe nua!

A Lua olhando-a
é para mim
um grande mistério...

Mesmo que esteja amando
numa noite de luar
e seu corpo nu
o esteja acariciar!

Lua que inspira
na minha poesia...

Fazendo-me sonhar
até surgir a luz
de um novo dia...

Bjnhs para ti
minha amiga...

Com um sentido
muito forte do meu
bem querer que será teu...

Por eleição
do meu coração.

4 fevereiro 2009

ZezinhoMota

... Aqui jazem todas as angústias, os medos, a solidão, as alegrias, as tristezas...
Jazem momentos únicos, momentos irrepetíveis...
....a saudade, o acreditar....
..As lágrimas, o desespero, o renascer...
a morte...
Todos os momentos de uma vida...uns eternos, outros não...
Aqui jaz uma nova esperança... o amor...

...Tu...



(Lúcia Machado)




Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, cedência, difusão, distribuição, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio electrónico, mecânico ou fotográfico destes textos sem o consentimento prévio e expresso do autor. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente, o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem.